Logo Topo

Mamoplástia Redutora

PROCEDIMENTO DESTAQUE

O que é?

Também conhecida como mamoplastia redutora, a redução de mama remove o excesso de gordura, o tecido glandular e a pele para atingir um tamanho de mama proporcional com o seu corpo e aliviar o desconforto associado com seios muito grandes.
Seios excessivamente grandes podem causar, em algumas mulheres, problemas emocionais e de saúde. O peso do tecido mamário em excesso pode prejudicar sua capacidade de levar uma vida ativa.
O desconforto emocional e o autoconhecimento, muitas vezes, associados a seios grandes e caídos, é um problema para muitas mulheres, pois podem causar desconforto e dor.

Como Funciona

Etapa 1 – Anestesia Medicamentos são administrados para o seu conforto durante a cirurgia. As opções incluem sedação intravenosa e anestesia geral. Seu médico irá recomendar a melhor opção para você.

Etapa 2 – Incisão Opções de incisão incluem:
• Padrão circular em torno da aréola. As linhas de incisão que permanecem são visíveis e as cicatrizes permanentes, no entanto, geralmente ficam bem escondidas sob maiô ou sutiã,
• Padrão de fechadura ou forma de raquete, com uma incisão ao redor da aréola e, verticalmente, para baixo, até o sulco da mama,

Etapa 3 – Remoção do tecido e reposicionamento Após a incisão, o mamilo é reposicionado. A aréola é reduzida através da excisão de pele no perímetro, se necessário. Tecido mamário é reduzido, levantado e modelado. Ocasionalmente, em casos de seios extremamente grandes e pendentes, o mamilo e a aréola podem precisar ser removidos e transplantados para posição mais alta no seio (mamilo enxerto livre).

Etapa 4 – Fechando as incisões Aproximam-se as incisões para remodelar a mama, agora, em menor tamanho. As suturas são realizadas em camadas profundas dentro do tecido mamário para criar e sustentar os seios; suturas, adesivos, pele e/ou fita cirúrgica podem fechar a pele. As cicatrizes são permanentes, mas, na maioria dos casos, tendem a melhorar significativamente ao longo do tempo.

Indicações

• Você está incomodada com a sensação de que seus seios são muito grandes,

• Seus sei

• Você tem dor nas costas, pescoço e ombro causada pelo peso de seus seios,

• Você tem depressão nos ombros, no lugar das alças do sutiã, devido ao peso de seus seios,

• Você tem irritação da pele abaixo do sulco da mama,

• Seus seios são flácidos e pendentes,

• O mamilo está abaixo do sulco da mama quando seus seios não são sustentados,

• Você tem aréolas alargadas e pele flácida.

Tire suas dúvidas

POSSO COLOCAR SILICONE JUNTO COM A MAMOPLASTIA REDUTORA?
Sim, em algums casos pode se usar um implante de silicone mamário para manter o volume e o colo mamário no pós-operatório. Esse procedimento não é obrigatório e pode ser realizado em qualquer momento. Cabe a paciente discutir com o cirurgião plástico as vantagens e desvantagens de cada caso.
QUAIS SÃO AS COMPLICAÇÕES?
Cicatriz desfavorável;
• Infecção;
• Alterações de sensibilidade no mamilo ou na mama, que podem ser temporárias ou permanentes;
• Riscos anestésicos;
• Sangramento (hematoma);
• Má cicatrização;
• Contorno e forma da mama irregulares;
• Descoloração da pele, alterações permanentes da pigmentação, inchaço e hematomas;
• Assimetria de mama;
• Acúmulo de líquido (seroma);
• Possibilidade de incapacidade de amamentar.
QUAL A IDADE DE REALIZAÇÃO DA MAMOPLASTIA?

• O procedimento de redução de mama pode ser realizado em qualquer idade, mas, apresenta melhor resultado quando os seios estão totalmente desenvolvidos;
• Mudanças nos seios, durante a gravidez, podem alterar os resultados da cirurgia, assim como oscilações significativas de peso.
QUAL O PREPARO PRÉ-OPERATÓRIO?
• Realizar exames laboratoriais ou avaliação médica,
• Tomar certos medicamentos ou ajustar os medicamentos atuais,
• Dependendo da idade da paciente, fazer uma mamografia de base antes da cirurgia e outra após a cirurgia para ajudar a detectar quaisquer mudanças futuras no tecido mamário
• Evitar tomar aspirina, antiinflamatórios e medicações naturais, pois podem aumentar o sangramento.
COMO É A RECUPERAÇÃO PÓS-OPERATÓRIA ?
Após o procedimento de redução da mama é finalizado, gazes e micropore serão aplicados nas incisões. Uma bandagem elástica ou sutiã podem ser usados para minimizar o inchaço e sustentar os seios. Um dreno pode ser temporariamente colocado sob a pele para drenar qualquer excesso de sangue e de fluido que possam acumular.

O novo tamanho da mama ajudará a aliviar a dor e as limitações físicas existentes previamente à cirurgia. A mama mais proporcional poderá melhorar sua autoestima e autoconfiança. No entanto, ao longo do tempo, seus seios podem mudar devido ao envelhecimento, às oscilações de peso, aos fatores hormonais e à gravidade.

Envie sua pergunta

Ainda tem dúvidas sobre este procedimento? Pergunte aos médicos.
Nós avisamos quando a sua pergunta for respondida.

Veja as publicações

Confira todas as publicações sobre este procedimento clique aqui

Depoimentos

Foto Paciente

...realizado um desejo..um sonho!!!...sucesso total!! Dr.Charles é um anjo..que deus continue iluminando essas mãos milagrosas! Além de competente é de uma simpatia sem igual que vai desde seu consultório e além do pós operatório. Super indico esse profissional para todas as mulheres que assim como eu queiram se sentir deusas..musas..rainhas!!

Débora de Campos Porto Alegre/RS veja mais depoimentos
Clínica Perfektion Av. Carlos Gomes, 1492,
sala 1308, Porto Alegre - RS 51 3517-0000 | 51 3516-4801

Copyright Clínica Perfektion 2013 - Todos os direitos reservados