Logo Topo

Lipoaspiração

PROCEDIMENTO DESTAQUE

O que é?

Apesar de boa saúde e da prática de exercício físico, algumas pessoas podem ter um corpo com contornos desproporcionais devido a depósitos de gordura localizada. Estas áreas podem ocorrer devido a características genéticas ou a falta de controle do peso ou de atividade física.

A lipoaspiração é o procedimento cirúrgico indicado para quem deseja ajustar o contorno corporal, retirando o excesso de gorduras de determinadas regiões, através da aspiração da gordura.

Pode ser usada para tratar acúmulos de gordura em várias partes do corpo, incluindo coxas, braços, pescoço, cintura, costas, parte medial do joelho, peito, bochechas, queixo, pernas e tornozelos. Em alguns casos, a lipoaspiração é realizada isoladamente, em demais casos, ela é usada com procedimentos de cirurgia plástica tais como o facelift, a redução de mama ou a abdominoplastia.

Como Funciona

Antes da cirurgia: Fotografar, marcar as áreas a serem lipoaspiradas e conversar com o anestesista.

Etapas do Procedimento

Etapa 1 – Anestesia Medicamentos são administrados para o seu conforto durante o procedimento cirúrgico. As opções incluem sedação, anestesia peridural ou anestesia geral. Seu médico irá recomendar a melhor opção para você.

Etapa 2 - Mini Incisões A lipoaspiração é realizada através de pequenas incisões, imperceptíveis. A gordura deslocada é, então, aspirada para fora do corpo, utilizando um aspirador cirúrgico. Uma evolução da lipoaspiração é o uso acoplado do aparelho de vibro lipoaspiração. O procedimento utiliza cânulas acopladas a um aparelho vibratório que provoca menos trauma aos tecidos, permitindo uma recuperação mais rápida e com menos hematomas. Quando liga ao equipamento, a cânula faz micromovimentos vibratórios que facilitam o trabalho do cirurgião, reduzindo o tempo de cirurgia.

Etapa 3 – Resultados A melhora do contorno corporal será aparente quando o inchaço e a retenção de líquido diminuir. Com práticas contínuas de dieta saudável e de atividade física, a perda de tecido adiposo em excesso deve ser preservada. No entanto, se você engordar no pós-operatório, pode alterar o resultado obtido com a cirurgia.

Indicações

Se você está incomodado com o excesso de acúmulo de gordura – localizado em qualquer lugar de seu corpo – e não vê resultados positivos com dieta ou prática de exercício físico, a lipoaspiração pode ser indicada para você. Os candidatos são:

• Adultos, com gordura localizada, que têm a pele firme e com bom tônus muscular,

• Indivíduos saudáveis que não tenham doença com risco de vida ou condições médicas que possam prejudicar a cicatrização,

• Indivíduos com atitude positiva e expectativa realista do resultado cirúrgico,

• Indivíduos determinados a seguir as recomendações do cirurgião plástico.

Tire suas dúvidas

O QUE É LIPOESCULTURA?
Na lipoescultura, o cirurgião retira gordura localizada de certas regiões e enxerta outras áreas do corpo, que precisem de maior preenchimento de gordura. Pode ser utilizada para aumentar o glúteo. Retira-se gordura das costas e enxerta-se na região glútea, aumentando assim o “bumbum”.
O QUE É MINILIPO?
A mini lipo é uma variação da lipoaspiração, onde se utiliza lipoaspiração de pequenas regiões. Utilizando micro cânulas ligadas a uma seringa para aspira. A vantagem é uma recuperação mais rápida, porém ela fica restrita a pequenas áreas.
O QUE É A LIPOASPIRAÇÃO NÃO VAI FAZER?
A lipoaspiração não é um tratamento para a obesidade e não substitui a prática de exercício físico e bons hábitos alimentares. Indivíduos com áreas de gordura no corpo e que se exercitam regularmente são os melhores candidatos a este procedimento.
QUAL O PREPARO PARA A CIRURGIA?
Previamente à cirurgia, pode ser necessário:

Fazer exames de laboratório ou avaliação médica;

Tomar certos medicamentos ou ajustar seus medicamentos atuais;

Parar de fumar antes da cirurgia;

Evitar tomar aspirina e alguns antiflamatórios e medicamentos naturais, pois pode aumentar o sangramento na semana anterior a cirurgia;

Realizar um jejum de 8 horas para alimentos líquidos e sólidos;

Levar a malha pós-cirúrgica ou modelador para a cirurgia;

Comparecer duas horas antes do procedimento com identidade no hospital.

Posso usar gordura para aumentar os glúteos?
Sim. A gordura retirada passa por um processo de preparo antes da sua injeção. A injeção é feita no glúteo com o uso de cânulas, através dos mesmos orifícios utilizados na lipoaspiração. O enxerto da gordura é feito em várias camadas, envolvendo o subcutâneo para que seja maior a sua chance de integração. Espera-se que em torno de 50 a 60% da gordura enxertada adapte-se ao novo local e passe a ser permanente nesta região. Isso quer dizer que a pós o período inicial de integração, que gira em torno de 3 a 6 meses. Essa gordura sofrerá oscilações normais de peso, como todo o restante do corpo. O resultado é variável, parte da gordura será inicialmente absorvida. Em geral os cuidados são os mesmos de uma lipoaspiração, exceto que não está indicada a drenagem linfática na região enxertada.
Como é a recuperação?
Malha de compressão (cintas modeladoras) são colocadas nas áreas tratadas na finalização do procedimento, pois ajudam a controlar o inchaço e a comprimir a pele. Em alguns pacientes, um pequeno dreno pode ser colocado nas incisões existentes por debaixo da pele para remover qualquer excesso de sangue ou de fluido. Além das cintas modeladoras, em algumas situações indicamos o uso de uma placa abdominal pós-lipoaspiração, que são rígidas e devem ser utilizadas por baixo da cinta com objetivo de reduzir o edema e hematomas e não deixar o abdômen dobrar proporcionando uma recuperação mais rápida e saudável. O tempo de uso pode ser de 30 a 45 dias. Alguns pacientes precisam usar por mais tempo. Nos primeiros dias de pós-operatório são prescritos analgésicos, anti-inflamatórios e antibióticos. Deve-se evitar a exposição solar por no mínimo 30 dias.
Tenho que fazer drenagem linfática?
Sim. Depois de qualquer cirurgia é indicado fazer drenagem linfática para diminuir o edema (inchaço) provocado pelo procedimento cirúrgico. Em geral, são necessários 10 sessões de drenagem linfática, duas a três vezes por semana. Algumas pessoas precisam de um maior número de sessões. A melhor escolha é pedir indicação ao seu médico de profissionais que estejam habituados com pós-operatório de cirurgia plástica. O profissional que mantenha contato com seu médico pode sinalizar imediatamente qualquer alteração que não esteja dentro dos padrões de normalidade no pós-operatório.

Envie sua pergunta

Ainda tem dúvidas sobre este procedimento? Pergunte aos médicos.
Nós avisamos quando a sua pergunta for respondida.

Veja as publicações

Confira todas as publicações sobre este procedimento clique aqui

Depoimentos

Foto Paciente

...realizado um desejo..um sonho!!!...sucesso total!! Dr.Charles é um anjo..que deus continue iluminando essas mãos milagrosas! Além de competente é de uma simpatia sem igual que vai desde seu consultório e além do pós operatório. Super indico esse profissional para todas as mulheres que assim como eu queiram se sentir deusas..musas..rainhas!!

Débora de Campos Porto Alegre/RS veja mais depoimentos
Clínica Perfektion Av. Carlos Gomes, 1492,
sala 1308, Porto Alegre - RS 51 3517-0000 | 51 3516-4801

Copyright Clínica Perfektion 2013 - Todos os direitos reservados