Logo Topo

Blog

ELE NÃO PASSA DESPERCEBIDO!

27/09/2015, por Dr. Charles Farias

O nariz não passa despercebido. Se não tem o poder de sedução da boca ou dos olhos, o nariz tem papel fundamental na estética de um rosto harmonioso.

Ele é tão importante na expressão facial que sua força define a beleza ao garantir o equilíbrio do rosto. Quando levantamos a ponta, não é só arrebitar, levantamos o rosto inteiro.

Contudo, deve ficar claro que o nariz faz parte de um conjunto. Quando vemos uma foto de antes e depois temos que perceber que melhorou nariz, maquiagem, cabelo e pele.

Afinal, a beleza é um conjunto. Um conjunto que deve ser harmonioso. O menos é mais. E cada pessoa tem características próprias e limites da própria estrutura nasal que devem ser respeitados.

A cirurgia do nariz é realizada ou por procedimento fechado, em que as incisões são escondidos no interior do nariz, ou por procedimento aberto, onde é feita uma incisão através da columela, faixa estreita de tecido que separa as narinas. Através destas incisões, os tecidos moles que cobrem o nariz são cuidadosamente levantados, permitindo o acesso para remodelar a estrutura do nariz.

A cirurgia do nariz pode reduzir ou aumentar as estruturas nasais com o uso de cartilagem enxertada de outras áreas de seu corpo. Mais comumente, partes de cartilagem do septo, a partição no meio do nariz, são usadas para este propósito. Algumas vezes, parte de cartilagem da orelha e, raras vezes, parte da cartilagem da costela pode ser usada.

Uma vez que a estrutura subjacente do nariz é esculpida na forma desejada, a pele e o tecido nasal são acomodados e as incisões fechadas. Incisões adicionais podem ser feitas nos sulcos naturais das narinas para alterar o seu tamanho.

Após a finalização do procedimento, uma espécie de gesso, tampão interno e curativo com Micropore serão colocados no nariz para apoiar e proteger as novas estruturas durante a cicatrização inicial.

Pode levar vários meses para que o inchaço desapareça completamente e até um ano – e às vezes mais – para o resultado da cirurgia ser percebido em sua totalidade.